carregando

Descrição:

Sabe aquela mãe que te manda sair com guarda-chuva porque vai chover, e chove? Aquela que manda você dormir, estudar, comer, pegar uma blusa de frio? Aquela que não larga do seu pé? Essa é a Dona Jandira, mãe de Carlos Eduardo, e eles vão mostrar para você que mãe é tudo igual – e que filho é tudo igual também – só muda de endereço! Mas tudo pode mudar depois deste Guia Prático de Como Educar a Sua Mãe!

O espetáculo que tem direção de Maurício Canguçu e Ílvio Amaral, de Acredite, Um Espírito Baixou em Mim, leva ao público, com uma linguagem leve, diversas situações cômicas e comuns entre mães e filhos, levando a plateia a se identificar, se divertir e a se emocionar do começo ao fim da peça. 

ATENÇÃO ESTUDANTES!

De acordo com a Lei Federal 12.933 e Decreto 8537 em vigência desde 1/12/2015, para ter acesso ao benefício da meia-entrada, o estudante deve apresentar a Carteira de Identificação Estudantil (CIE) expedida pelas entidades previstas em lei, obrigatoriamente com as seguintes informações:

- Nome completo e data de nascimento;
- Grau de escolaridade;
- Foto;
- Nome da instituição de ensino na qual o estudante está matriculado;
- Data de validade até o dia 31 de março do ano subsequente ao de sua expedição;
- Certificação digital observando o disposto no inciso 2º do Art. 1° da Lei nº 12.933, de 2013.

Carteiras de estudantes das escolas são documentos de identificação estudantil, mas se não estiverem de acordo com a Lei Federal 12.933 de 1/12/2015, não garantem o benefício da meia-entrada.

ATENÇÃO: Boletos bancários e comprovante de matrícula não são documentos válidos para o benefício da meia entrada.

;